Pai Tomé

Mensagem de Pai Tomé das Almas

TENHAM CALMA, FILHOS !

Salve os filhos da Terra, essa bolinha azulzinha que a gente põe na palma de nossa mão… Pai Tomé vem falar com os filhos atormentados hoje, já que muita gente lembrou de nós… e velho deseja agradecer falando um pouco sobre a fé e sobre a importância de se ter calma e controle das emoções.
Tem hora que os filhos parecem não suportar mais algumas dificuldades do dia a dia da vida de todo esse povo da Terra. Fica uma mistura de medo com cansaço, de dúvida com desespero, de vazio no peito e dores no corpo e na alma. às vezes parece que o dinheiro não vai mais chegar, que a saúde não vai mais voltar e que a alegria nunca mais vai brotar no coração.

Todos vocês são iguais, filhos… Essas emoções passam por todos porque estão no mesmo barco…o barco da evolução. É duro estar aí… É difícil vencer desafios por vezes gigantescos… É difícil sentir falta de amparo, de alento, de amor, de amizade… Mas vai valer à pena, filhos ! O trabalho diário também consome a força de todos e a lágrima tem caído fácil nos vosso rosto dos filhos… Sentem falta de compreensão e de sintonia de quem não reza na mesma cartilha… e isso aborrece os filhos… isso cala a alma e os filhos ficam iguaiszinhos a uns robozinhos que se liga e desliga na hora que é preciso… Sentem falta de afeto… aquele afeto de ficar horas conversando a mesma língua e sobre os mesmos ideais… Tem dias que os filhos dão risada sem parar e é como se isso tivesse que ser a vida inteira… porque aqueles momentos dão sensação de bem estar e alegria… e os filhos nem queriam mais voltar pra casa e para as suas realidades… Tem as traições dos falsos amigos, ou da esposa ou do marido, do namorado com outro homem ou com sua melhor amiga… Pai e mãe brigam sem parar, se machucam…. irmãos se agridem… professores ficam irritados e estressados…

Nas ruas tem muito bandido e é tiro a qualquer momento… A vida parece um caos absoluto, muitas vezes… e vocês ficam atordoados pensando: Quando tudo isso vai acabar ? Animais sofrem a selvageria dos homens… e as drogas fazem os meninos virarem marginais tão cedo… Violência, horror nas noites, o tal do bullying… que pra nós é humilhação dos mais sensíveis e covardia dos mais toscos e indiferentes… Gente de poder tirando a comida das creches…. ( tststs… ) Vai ter o preço pra todos esses, filhos… e os justos, os mansos e pacíficos possuirão a Terra ! E os puros de coração irão até os anjos e verão a face de Oxalá ! Muita dor, não é, filhos ? Terremotos, tempestades, furacões, ondas avassaladoras… Pensam no que pode acontecer daqui para frente com suas vidas, seus parentes, suas casas, suas vidas… Tomam calmantes… choram… Nem os filmes ou músicas têm suprido a necessidade de paz e de realização. É raro vermos filhos totalmente bem… é raro.. Sempre há algum problema… uma dor física, uma dor moral, uma expectativa, ansiedades, ilusões, frustrações.

Esse velho veio hoje para dizer para os filhos que tenham calma dentro do coração… Fiquem calmos ! Podem atravessar tudo isso com equilíbrio, fé e serenidade. Sei que às vezes não dá, né, filhos? Mas vocês tem que chorar um pouco e logo mais dizer: – Pronto ! Agora chega ! Já chorei muito e agora vou lá fora respirar, caminhar, olhar o céu ou ligar para alguém que está pior do que eu… Vou colocar uma música e vou dançar um pouco ou dar uma espiadinha na revista de moda, pras mulheres, ou de futebol pros homens… Mas isso sem deixar a indiferença tomar conta de seus corações, filhos… Isso só pra refrescar a cabeça e o lombo cansado… Mas, logo que mais calmos e retemperados, pensem e façam somente uma coisinha bem simples: Amem mais todas as pessoas que estão passando pelas mesmas coisinhas ou pelas mesmas coisas grandes que vocês… Assim como você precisa de um ombro, de uma palavra, de uma trégua, de uma abraço, de um auxílio material, de um perdão, de uma luz no fim do túnel, toda a humanidade também, filhos…

Se a maioria está assustada, perdida, confusa e com medo, junte-se a mais pessoas e façam coisas boas… Façam preces em conjunto… façam confidências sobre seus vícios e defeitos e procurem soluções… Façam reuniões alegres, de amor pelas pessoas, sem bebidas e sem drogas… Inventem formas de transporem os obstáculos e ajudem os outros a conseguirem isso também… Tudo vai passando devagar… Todos os milênios foram assim e muito piores… Todas as eras passaram… Esse suspense, esse medo, essa dor, essa solidão, essa frustração, filhos… tudo o mais que vocês sentem, vai passar também… É só usar a técnica da calma. Tenham calma… Com calma tudo vai acontecendo … os filhos vão observando e aprendendo… e todos vão chegando no seu patamar de paz e de tranquilidade, e de alívio e recompensa, na hora certinha de Deus ! Deus não vai abandonar nenhum de seus filhos… Ele sabe que tudo isso é necessário e que no fim todo mundo vai ficar alumiando igual às estrelinhas do céu ! Ele sabe que a dor ensina, corrige, redime e fortalece ! Mas ele manda seus exércitos a todo minuto pra ajudar todos vocês… Ele não fica distraído não…

Nós estamos aqui na Terra também por esse motivo, filhos:

Pra os filhos saberem que tem muitos velhos e velhas, antiiiigosssss, muito antigos, que viemos pra cá ajudar os filhos a passarem esse momentos difíceis da vida humana. Chamem por nós.. .tem muito Pai Velho na Terra só pra dar colo pra todos vocês… ( hehehe…) Nós que viemos lá da Aruanda, um oásis de paz e de luz…

Esse velho deixa um forte escudo de defesa de Pai Tomé em cada um que ler essas palavrinhas simplesinhas que meu coração de pai e de vô sentiu vontade de ditar nesse dia de nós aqui no Brasil: O dia dos pretos velhos ! Esse escudo eu fiz com o amor que esse velho tem no peito por todos os meus filhos sofridos desse ventre da Mãe Gaia…

Que Oxalá abençoe a todos vocês, filhos ! Não se esqueçam, meus flhos:

– Respirem, confiem e mantenham a calma… muita calma… e muita fé no nosso Pai. Vai dar tudo certo, meus filhos, tudo certo, muito certo mesmo !

Até um dia… Saravá, meus filhos ! Salve nosso Pai Oxalá !

Pai Tomé das Almas

Pscicografado/Canalizado por Rosane Amantéa

O Cobrador

Depois de um dia de caminhada pela mata, mestre e discípulo retornavam ao casebre, seguindo por uma longa estrada.

Ao passarem próximo a uma moita de samambaia, ouviram um gemido.

Verificaram e descobriram, caído, um homem.

Estava pálido e com uma grande mancha de sangue, próximo ao coração.

O homem tinha sido ferido e já estava próximo da inconsciência.

Com muita dificuldade, mestre e discípulo carregaram o homem para o casebre rústico, onde trataram do ferimento.

Uma semana depois, já restabelecido, o homem contou que havia sido assaltado e que ao reagir fora ferido por uma faca.

Disse que conhecia seu agressor, e que não descansaria enquanto não se vingasse. Disposto a partir, o homem disse ao sábio:

– Senhor, muito lhe agradeço por ter salvo minha vida. Tenho que partir e levo comigo a gratidão por sua bondade.

Vou ao encontro daquele que me atacou e vou fazer com que ele sinta a mesma dor que senti.

O mestre olhou fixo para o homem e disse:

– Vá e faça o que deseja. Entretanto, devo informá-lo de que você me deve três mil moedas de ouro, como pagamento pelo tratamento que lhe fiz.

O homem ficou assustado e disse:

– Senhor, é muito dinheiro. Sou um trabalhador e não tenho como lhe pagar esse valor!

– Se não podes pagar pelo bem que recebestes, com que direito queres cobrar o mal que lhe fizeram?

O homem ficou confuso e o mestre concluiu:

– Antes de cobrar alguma coisa, procure saber quanto você deve. Não faça cobrança pelas coisas ruins que te aconteçam nessa vida, pois essa vida pode lhe cobrar tudo que você deve.

E com certeza você vai pagar muito mais caro

Autor Desconhecido.

Ogum é o orixá guerreiro, representado na maioria dos estados por São Jorge, por ser um soldado.
Seus filhos tendem á pratica de esportes, possesivos, ciumentos, mas fieis quando realmente apaixonados. São responsáveis e dedicados, possuem uma forte tendência a se cortarem com facilidade.
Ogum é verenciado por sempre vencer a guerra sem nunca perder soldado.
Sua bandeira é verde branco e vermelho(encarnado).
Você terá oportunidade de saber das lendas e mitos deste valoroso Orixá no item das curiosidades, além de histórias contadas pelo povo ao longo da grande jornada RELIGIOSA.

SEU ACHÉ: 7 (03.07.14,21…)

DIA DA SEMANA: Quinta-feira

DOMÍNIO: armas de fogo, guerras, demandas e estratégia.

COR: verde

SAUDAÇÃO: ogunhê…!

BEBIDAS: cerveja branca, e alguns cachaça.

FRUTAS: marmelo, laranja, butiá, framboesa, groselha, cassis.

VEGETAIS: rabanete, espinafre, aipo, azeitona, porro, beldroega, endívia, sorgo, alface, tomate.

FLÔRES: cravos brancos e vermelhos.

VELA: varia a cor de acordo com a linha; verde, vermelha, verde e vermelha ,verde vermelha e branca que representa todas as linhas de Ogum.

ORGÃOS QUE GOVERNA: dentes, nariz, costelas, sangue, músculos e ossos da cocha.

PROFIÇÕES: administração comercial e rural, comércio exterior, computação, informática, mecânico, ramo de alimentos, jardinagem, educação física, arquitetura, mineração, engenharia aeronáutica, Oceania, odontologia, política, polícia, artesanato, biologia, eletrônica, fazendas, etc.

OFERENDAS: costela minga assada, farofa com dendê, alface, tomate, frutas(principalmente a laranja), cigarros ou charutos, fósforo, cerveja, etc….

VASILHA: alguidar de barro envernizado.

CORES DAS GUIAS:
NOTA: As cores das guias vão variar muito de acordo com a procedência dos ensinamentos de cada casa, também podem variar de acordo com o pedido do próprio Orixá.
Vermelho escuro e verde escuro= Ogum Avagã.
Verde vermelho e preto= Ogum Megê.
Verde, vermelho e branco= representação geral de todas as linhas de Ogum na Umbanda.
Verde e vermelho= Oguns da linha da mata.
Verde, branco e azul=Oguns da linha das águas.
Verde, vermelho e azul= Logum Edé.

SINCRETISMO:
São Jorge = Ogum Adiolá(RS), Oxosse(na Bahia=BH)
Santo Expedito= Logum Edé(BH)
Santo Antônio= Ogum(BH), Bará(RS)

Aprovações…

“Certa vez um chefe de Terreiro que tinha sua vida material muito bem sucedida, recebeu a ordem de seu Pai, Sr. Ogum Iara, que era para doar tudo o que tinha para as pessoas pobres. Mas ele se recusou. passou algum tempo, e esse rapaz foi perdendo tudo o que tinha conseguido com o seu sacrifício. Ele passou sete dias invocando seu Pai, e nada. Sr. Ogum Iara estava neutro! No sétimo dia o homem invocou-o novamente, e seu guia se manifestou. Explicou para seus filhos e para família de seu cavalo, o porque que tinha acontecido essa reviravolta na vida dele. E deixou bem claro que nunca mais o cavalo dele fizesse o que fez, não obedecer uma ordem dada!”

Moral: As aprovações vem de todos os jeitos e lados. Vem das entidades e vem da vida. Somos testados pelas nossas entidades porque elas querem ver até onde vai a nossa “apegamento” ao mundo material. E se confiamos neles.
Peço a vocês, que quando uma entidade chegar no mundo e mandar vocês darem tudo aquilo que têm, não duvidem, nem fiquem com medo de perder tudo, até porque enquanto eles mandam a gente tira duma mão, eles colocam na outra coisas melhores.
Axé para todos!!

História contada pelo Cacique Oxossi Arranca Toco da Mata Virgem

Av. Dona Sofhia Rasgulaeff 177.
Jardim Alvorada/ Maringá /Paraná
Telefone: (44) 3034-5827 (44) 99956-8463
Consultas Somente com Hora Marcada.
Atendimento: de Segunda a sexta-feira
Das 09:00 as 19:00 horas.
Não damos consultas:
via whatsapp ou via E-mail.



Esta entrada foi publicada em Linha dos Preto-velhos. Adicione o link permanente aos seus favoritos.